Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Acredita em Ti e Voa!

Todos os dias: uma mensagem positiva. Um espaço onde a simplicidade, a reflexão e a felicidade coabitam em verdadeira harmonia. Que cada partilha seja inspiradora e desenhe um sorriso no rosto de quem lê!

Acredita em Ti e Voa!

Todos os dias: uma mensagem positiva. Um espaço onde a simplicidade, a reflexão e a felicidade coabitam em verdadeira harmonia. Que cada partilha seja inspiradora e desenhe um sorriso no rosto de quem lê!

Os amigos, os verdadeiros amigos!

Os amigos são autênticos presentes da vida.

Após uma queda, são o nosso maior amparo.

Num momento de solidão, fazem-nos companhia.

Num momento de perda, relembram-nos como somos fortes e incentivam-nos a continuar em frente (um passo de cada vez).

Quando nos sentimos perdidos, são uma bússola amiga.

Quando estamos feridos, são os nossos enfermeiros de serviço.

Quando não temos vontade de nada, sussurram: “És capaz, estou contigo, força”.

Quando a nossa autoestima está em baixo, arrancam de nós o nosso melhor, distribuem confiança e acendem a luz da motivação (dentro de nós).

Quando estamos esquecidos, relembram o essencial.

Quando precisamos de alguém, eles dizem “estou presente", em seguida, estendem a mão e dão um passo em frente na nossa direção.

Os amigos são laços invisíveis que desatam os nossos nós da nossa vida. Muitas vezes, os amigos transformam os nossos nós em bonitos laços.

São, sem dúvida, o fio que nos liga à vida, à esperança e à fé que o melhor vai chegar no tempo certo.

Os amigos são os irmãos oferecidos pela vida: não temos o mesmo sangue, mas (às vezes) a ligação é tão ou mais forte.

Os amigos agarram-nos à vida, dão-nos vida e são um tesouro na nossa vida que tem um valor inestimável.

Juntos somos mais fortes. Unidos venceremos Os amigos sabem disso e isso faz toda a diferença.

Que as amizades genuínas perdurem e que sejam renovadas diariamente!

BLOG: http://acredita-em-ti-e-voa.blogs.sapo.pt/

seramigo.png

A tua mudança muda o teu mundo!

Há uma certa altura na vida em que queremos mudar o mundo.

Crescemos e percebemos que tudo começa com a nossa mudança: quando nós mudamos, o nosso mundo muda por completo!

Passamos a compreender o que é realmente importante (pessoas e coisas).

Aprendemos a aceitar o que somos e procuramos ser sempre melhores (todos os dias).

Entendemos que desistir de algo que já não sentimos como nosso é um ato heroico e próprio dos corajosos que querem ser felizes.

Percebemos que há alturas em que não vale a pena fazer um braço-de-ferro com a vida, aprendemos a ir ao sabor da vida e a confiar nas voltas que a vida nos leva a dar.

Passamos a cuidar mais de nós próprios: a andar na corda bamba da vida com mais equanimidade, a sentir mais e a estreitar laços com a nossa autoestima.

Aprendemos a acreditar mais em nós próprios, a perceber que podemos concretizar os nossos sonhos, que afinal o impossível é perfeitamente possível e que o ponto final pode ser algo muito positivo (algo vai recomeçar).

Percebemos que julgar os outros não faz sentido e compreender os outros faz toda a diferença.

Passamos a riscar o verbo ter e a sublinhar o verbo ser - sim, o único verbo que tem uma amizade profunda com a palavra felicidade.

Aprendemos que o tempo tem um valor incalculável e que, cada segundo, deve ser gasto da melhor forma e com as melhores pessoas da nossa vida!

É nesta altura que o nosso mundo muda. Muda tudo e tudo ganha uma nova energia, outra magia e um encanto natural!

Naturalmente largamos o que não queremos, agarramos o que não queremos perder, valorizamos o que realmente tem valor e sentimos que o nosso perfume mudou: temos o perfume do amor, da paz, da verdade na nossa pele e, naturalmente, a vida traz-nos pessoas melhores para o nosso caminho, coisas abençoadas, caminhos mais leves e surpresas boas e inesperadas.

E é no meio desta mudança que percebemos que vale a pena mudar o nosso mundo porque tudo à volta muda para melhor! Insiste e persiste em ser e fazer melhor - vale a pena, vale mesmo a pena!

Que sejamos capazes de nos libertar da infelicidade e que a mudança pessoal continue a ser a mola que nos impulsiona para a felicidade!

BLOG:acredita-em-ti-e-voa.blogs.sapo.pt

doce.png

Viver a vida!

A vida ensina-nos que viver a vida é simples, nós é que temos a tendência de ligar o complicómetro.

A vida prova-nos que as pessoas certas são as que estão sempre do nosso lado, nós é que esquecemos isso com facilidade.

A vida mostra-nos que o amor é lindo, mas nós nem sempre valorizamos quem nos ama de verdade.

A vida ensina-nos que a felicidade está dentro de nós, mas acabamos por andar perdidos por aí em busca dela.

A vida dá-nos a oportunidade de usufruir de tanta coisa, mas nós teimamos em perder tempo com coisas que não valem a pena.

A vida prova-nos que recomeçar é positivo, mas nós temos medo de arriscar e começar do zero.

A vida demonstra-nos que temos de ser bons para nós próprios tal como para os outros que se cruzam no nosso caminho, mas nem sempre colocamos isto em prática.

A vida comprova-nos que os afetos enchem o nosso vazio interior, mas nós insistimos em comprar coisas e mais coisas que dão-nos apenas uma felicidade falsa e momentânea.

Vive a tua vida, um dia de cada vez, aprende com a vida, coloca um sorriso no rosto e sê feliz!

BLOG: acredita-em-ti-e-voa.blogs.sapo.pt

abraça a vida.png

Os presentes da vida são gratuitos!

A vida dá-nos a oportunidade de escolher: podemos escolher onde ir e onde ficar, podemos escolher quem queremos ao nosso lado ou quem queremos longe de nós, podemos escolher o que queremos ou não queremos e podemos escolher ser felizes. Tão bom ter opções e a possibilidade de decidir o que realmente faz sentido ou não na nossa vida.

A vida presenteia-nos com um sol brilhante, com uma chuva admirável, com paisagens esplêndidas, com uma natureza ímpar, com animais diferentes e cheios de beleza, com um mar imponente, com aromas inconfundíveis e com sensações inexplicáveis e belas.

A vida dá-nos aulas particulares: aprendemos a ser mais fortes, aprendemos a ser resilientes, aprendemos a perdoar, aprendemos a separar o essencial do acessório, aprendemos a diferenciar o que é importante do que é urgente, aprendemos a gerir as nossas emoções, aprendemos a conviver com os outros, aprendemos com cada queda e com cada pessoa, aprendemos com cada renascimento e com cada recomeço, aprendemos com os obstáculos e com os desafios, aprendemos a valorizar quem e o que é realmente essencial à nossa vida.

A vida dá-nos afetos: temos amigos (temos de saber cuidar deles e, mais do que ter, aprendermos a ser amigos), temos família (temos de aprender a lidar com ela e amá-la apesar de tudo), temos desconhecidos que se cruzam por algum motivo e, no meio de tantas ligações (umas mais curtas ou mais longas) damos e recebemos carinho, amor, amizade, coragem, apoio, lealdade e tantas outras manifestações simples e intensas de afeto como um simples abraço longo, apertado e demorado que faz magia.

A vida oferece-nos a nossa própria vida e, todos os dias, podemos reescrever a nossa vida, podemos aprender coisas novas, podemos ensinar algo, podemos partilhar o que quer que seja, podemos redefinir os nossos objetivos de vida, podemos aprender a cuidar mais de nós, podemos tudo aquilo que quisermos de verdade.

Há muitos presentes à nossa volta, temos muitos motivos para agradecer, temos inúmeras razões para ter orgulho em nós, temos (todos os dias) uma nova oportunidade para fazer tudo diferente, temos a possibilidade de tentar mais uma vez e temos tantas outras coisas fantásticas que (muitas vezes) não valorizamos ou não reparamos devidamente!

A vida dá-nos tantas coisas e nós? Nós temos de aceitar mais, usufruir muito, agradecer sempre, partilhar mais e viver intensamente porque é um privilégio continuarmos vivos na busca pela felicidade!

Vamos apreciar tudo e desembrulhar cada presente da vida com um sorriso rasgado,com o coração alegre e com a certeza que tudo é uma grande bênção!

Tudo à nossa volta é um presente e o melhor da vida é mesmo gratuito!

BLOG:acredita-em-ti-e-voa.blogs.sapo.pt

vive.png

Tudo começa com FOCO!

Deixa de lado os zunzuns que andam por aí.

Desvia-te das opiniões dos outros.

Muda de passeio se o pessimismo vier pela frente.

Foge a sete pés das teorias antiquadas que, na prática, não fazem sentido na tua vida.

Não te compares a nada nem com ninguém.

Livra-te do acessório que ocupa espaço demais na tua vida.

Foca-te na tua vida! Foca-te nos teus sonhos! Foca-te no essencial!

Foca-te em tudo o que te faz genuinamente feliz.

Foca-te nas tuas escolhas, no teu caminho, na tua essência e naquilo que realmente queres ser nesta vida.

Arregaça as mangas, sê um autêntico conquistador com um sorriso no rosto, uma armadura de fé e uma espada feita de coragem.

Foca-te em ti e reconstrói a tua vida como tu queres e como tu sabes que mereces.

Foco, muito foco em ti!

BLOG: http://acredita-em-ti-e-voa.blogs.sapo.pt/

fofo.png

O lado bom da vida

Não te entristeças quando te dizem que és bom demais.

Não te arrependas por dar amor a quem nunca te deu qualquer afeto.

Não te angusties por ter dado a mão a quem se esqueceu de ti num momento duro da tua vida.

Não te arrependas de perdoar quem nunca te pediu perdão.

Não fiques triste porque alguém se afastou de ti e nem sabes qual foi o motivo.

Não fiques com saudades de quem nunca percebeu o teu valor, apesar de teres dado o teu melhor.

Não te sintas perdido porque algo acabou e não sabes como recomeçar.

Este é um dos lados da vida: é a realidade e acontece a todas as pessoas.

Não te arrependas de ser bom a todas as horas.

Gosta de ti como és. É bom conhecer gente assim.

Apesar da tristeza, oferece um sorriso.

Apesar das dores, partilha uma palavra de conforto.

Apesar das dificuldades, levanta a cabeça.

Apesar dos ferimentos, semeia a esperança.

Apesar das desilusões, continua a ser um fiel amigo.

Apesar dos medos, acredita em ti, luta pela tua felicidade e recomeça com força.

Apesar dos desgostos e das adversidades, continua a dar o teu melhor seja num projeto, numa amizade ou numa relação.

Lembra-te que a vida é feita de ciclos e que tudo é passageiro.

Foca-te no lado bom da vida: acredita que o melhor está para chegar, aceita que tudo o que te acontece hoje um dia fará todo o sentido e sê fiel a ti próprio!

BLOG: http://acredita-em-ti-e-voa.blogs.sapo.pt/

lado bom.png

Espera por tudo (menos para ser feliz)!

Espero que a tua felicidade não dependa dos outros: do que pensam sobre ti, do que querem, do que acham, do que inventam, do que são ou do que quer que seja.

Espero que saibas distinguir: os conhecidos, os amigos do coração e os amigos de ocasião.

Espero que aprendas a valorizar quem sempre está do teu lado: quando vences, quando falhas, quando caís, quando não sabes para onde ir ou quando tens vontade de desistir.

Espero que a conquista da tua paz interior seja mais importante do que conquistar um lugar, um elogio ou uma riqueza material.

Espero que dês sempre o teu melhor e que acredites que tens valor digam o que disserem sobre ti.

Espero que ultrapasses todos os obstáculos da vida com um sorriso, mas não tenhas medo de chorar porque não deixas de ser grande por isso.

Espero que sejas feliz: livra-te da opinião alheia, respira fundo e enche-te de gratidão.

E nunca te esqueças: estás sempre a tempo de mudar de rumo e fica só onde és realmente feliz!

Não esperes pela felicidade: ela não vai bater à tua porta, simplesmente porque vive dentro de ti.

acredita-em-ti-e-voa.blogs.sapo.pt

redeas.png

Vou ali ser feliz...

Há alturas na vida em que o silêncio é o teu melhor amigo. Será?

Entras dentro da tua concha e já não sentes vontade de sair.

Observas tudo à tua volta e sentes que o tempo escapa entre as tuas mãos.

Não queres saber se está sol ou se está chuva, porque dentro de ti há uma enorme tempestade e um reboliço de sentimentos.

Tens boas intenções, mas isso não chega. Procuras ajudar, mas isso não basta. Queres caminhar, mas só recuas.

Os medos ganham terreno dentro de ti, a autoestima perde a sua força e o desânimo instala-se no teu sofá interior.

A dúvida cresce, há portas que se fecham e os teus sonhos ficam adiados.

Colocas tantas questões, procuras respostas e não encontras nada do que tanto procuras.

Na verdade, são fases duras, mas fases reais na tua vida e na vida de tantas outras pessoas.

Não te esqueças que cair é normal e levantar é próprio dos combatentes que nunca desistem, nem quando tudo parece estar perdido ou aparenta ser impossível.

A vida não é fácil, mas apesar de tudo é bom viver e é bom perceber que tudo muda num simples segundo.

Arrisca, avança, sai dessa concha, ultrapassa a tempestade e organiza os teus sentimentos.

Liberta-te dos pensamentos negativos, ampara-te nas pessoas boas que tens na tua vida, segue o teu próprio caminho e cuida do teu coração.

Podes até esconder-te dentro da tua concha, podes até não querer saber de mais nada e em silêncio aguardar algo.

Todavia, se queres ser feliz, se queres realizar os teus sonhos, se queres sentir o teu coração a saltar de alegria, se queres viver em paz e se queres ter uma autoestima saudável: só precisas de ouvir o teu coração e seguir o teu próprio caminho.

A tua missão nesta vida é ser feliz (não é convencer os outros de nada, não é provar nada a ninguém, não é seguir a opinião dos outros).

Ganha balanço, enche-te de esperança, mexe-te e corre atrás do que realmente faz de ti uma pessoa melhor e mais feliz!

BLOG: acredita-em-ti-e-voa.blogs.sapo.pt

amas.png

O dia em que acordas para a vida!

Aquele dia em que riscas da tua lista da felicidade: a fama, o poder, a riqueza, o amor perfeito, a quantidade de amigos, a beleza física e os condicionalismos da vida.

Sim, aquele dia em que percebes que tens tudo para ser genuinamente feliz.

Aquele dia em que redefines o teu conceito de felicidade e o momento em que percebes que não está mais além, está aqui (dentro de ti).

O dia em que percebes que és um vencedor e és único (não há ninguém igual a ti e já ultrapassaste tantas tempestades com sucesso).

O dia em que aprecias a essência da vida: ficas encantado com a brisa do mar, danças com o cantar de um pássaro e sentes que tudo é belo à tua volta.

O dia em que decides vestir o otimismo e plantar a esperança: venha quem vier pela frente e custe o que custar, ser feliz é o teu lema de vida.

O dia em que mentalizas que tudo é possível e que vais continuar a sonhar porque os verbos parar e desistir não fazem parte do teu dicionário da vida.

O dia em que vives o dia de hoje como se fosse o último: e porque é o último, não há espaço para sentimentos pesados e negativos.

O dia em que colocas o colete salva-vidas e agarras na tua prancha: venha o que vier, queres e sentes que vais conseguir ultrapassar tudo com um sorriso no rosto.

O dia em que olhas ao espelho e dizes: "Uauh sou lindo, sou grande e sou corajoso - tenho orgulho em mim e aceito-me exatamente como sou!"

O dia em que arrumas o perfeccionismo na gaveta e retiras a alegria de viver com leveza.

O dia em que sabes distinguir os reais amigos, o dia em que até a imperfeição da vida tem a sua graça e o dia em que paz interior fica colada à tua pele.

O dia em que a tua opinião é validada e a opinião dos outros é arquivada com a etiqueta "Não me interessa, não é relevante e faz mal à saúde".

Este dia nasce quando acreditares nele, no dia em que lhe deres asas e espaço e no dia em perceberes que tudo depende de ti!

Acorda para a tua vida e sê feliz!

BLOG: acredita-em-ti-e-voa.blogs.sapo.pt

leve.png

Eu acredito!

Acredito que há pessoas perdidas dentro de si.

Acredito que há pessoas presas a um preconceito sem sentido.

Acredito que há pessoas acorrentadas à vida dos outros.

Acredito que há pessoas que se lamentam porque não conhecem outra forma de viver.

Acredito que há pessoas amarradas a um passado morto e sem futuro.

Acredito que há pessoas que julgam os outros simplesmente porque tem medo de ser julgadas.

Acredito que há pessoas que procuram arranjar conflitos com os outros (implicam por tudo e por nada) porque não conseguem resolver os seus conflitos interiores.

Todavia, continuo a acreditar que estas pessoas vão libertar-se no dia em que perceberem que tem o poder de serem felizes.

Acredito que vão perceber que é olhando para dentro de si que vão encontrar o que tanto procuram e não encontram.

Acredito que vão voar alto e livremente com a lei do amor a reger a sua vida.

Acredito que vão perceber que olhar para o lado é uma perda de tempo e de vida e que vão arregaçar as mangas e focar-se na sua felicidade.

Acredito que tudo muda, quando nós mudamos e essa mudança pode ser a chave que a abre mais desejada de todas: a porta da felicidade.

Acredita em ti e segue o teu caminho com um sorriso no rosto!

BLOG: acredita-em-ti-e-voa.blogs.sapo.pt

cred.png

Pág. 1/4